Translate

terça-feira, 14 de maio de 2024

Se não vos tornardes como as crianças... (Jesus e os pequeninos, os dez leprosos) - Cap. 41

Nazareno (Vatican News)

Cap. 41 - Se não vos tornardes como as crianças... (Jesus e os pequeninos, os dez leprosos)

Felipe e Bartolomeu chegam com Jesus a Cafarnaum. Para dar as boas-vindas, há uma multidão de crianças barulhentas. Outras são levadas ao Mestre porque seus pais queriam que ele lhes impusesse as mãos e fizesse uma oração. Jesus se senta para descansar um pouco e, em pouco tempo, é cercado por elas. Um dos pequeninos se chama Benjamim. A criança pula nos ombros de Jesus e o abraça. Começam a conversar. Mas os discípulos presentes as repreendiam. Jesus, todavia, disse: “Deixai as crianças e não as impeçais de virem a mim, pois delas é o Reino dos Céus”.

Enquanto se afastavam, o Nazareno explica a seus amigos o significado daquelas palavras. As crianças têm um coração simples e puro; as crianças dependem em tudo de seus pais, precisam do olhar deles para se sentirem seguras, precisam deles para serem livres. Assim também nós dependemos de Deus.

Jesus sabe que aqueles dias na Galileia são os últimos. Certa manhã, nas proximidades de Efraim, quando Jesus e seus discípulos estavam prestes a entrar na cidade, dez leprosos vieram ao encontro deles. Pararam à distância e clamaram: “Jesus, Mestre, tem compaixão de nós!”. Sabiam quem era, tinham ouvido falar dele. Vendo-os ele lhes disse: “Ide mostrar-vos aos sacerdotes”. Partiram imediatamente. E enquanto iam, ficaram purificadosUm dentre eles, vendo-se curado, voltou atrás, glorificando a Deus em alta voz, e lançou-se aos pés de Jesus com o rosto por terra, agradecendo-lhe. Pois bem, era um samaritano. Tomando a palavra, Jesus lhe disse: “Os dez não ficaram purificados? Onde estão os outros nove? Não houve, acaso, quem voltasse para dar glória a Deus senão este estrangeiro?”. Em seguida disse-lhe: “Levanta-te e vai; a tua fé te salvou”.

Mais uma vez, o testemunho de fé não veio de perto, mas de longe, não daqueles que compartilhavam a mesma fé, mas de "estrangeiros".

https://media.vaticannews.va/media/audio/s1/2024/05/09/16/137939670_F137939670.mp3

Fonte: https://www.vaticannews.va/pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pe. Manuel Pérez Candela

Pe. Manuel Pérez Candela
Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Imaculada Conceição - Sobradinho/DF